BRAIN 2017 – Maconha pode levar jovens a desenvolver transtornos psicóticos na vida adulta

salvaaar-05

BRAIN 2017 – Esquizofrenia é um dos transtornos que podem ser desencadeados pelo uso da cannabis.

Estudos epidemiológicos mostram que variantes genéticas, chamadas de polimorfismo, são as responsáveis por tornar jovens mais vulneráveis a desenvolver os efeitos nocivos do uso de cannabis.

“Pesquisadores realizaram alguns estudos sobre polimorfismo funcional no gene da Catecol-O-Metil Transferase (COMT) e concluíram que a interação da variante do aminoácido valina com o uso de cannabis na adolescência aumenta o risco de se desenvolver um transtorno psicótico na vida adulta”, adverte o psiquiatra Jair Mari, professor da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo.

Durante a 14ª edição do World Congress on Brain, Behavior and Emotions, Dr. Jair Mari apresentará pesquisas clínicas que respondem em que grau o uso de cannabis está associado ao risco maior de transtornos psicóticos, assim como os dados do Levantamento Nacional de Álcool e Drogas (LENAD) sobre o consumo de cannabis entre adolescentes no Brasil.

Perante a tendência política e social de legalização da maconha para fins médicos e recreativos, parte dos pesquisadores está preocupada em direcionar o debate não apenas para os potenciais benefícios à saúde, mas também para os efeitos adversos da droga. Neste cenário, deve ser considerado que o maior consumo aumentará por extensão o número de pessoas com consequências negativas.

O ciclo vicioso pode estar dentro das células (adaptação celular, tolerância, explicações para a abstinência), bem como estar vinculado a um componente hereditário. No entanto, explica Dr. Mari, fatores psicológicos não são descartados no uso de cannabis e de outras drogas.

“Quem usa a droga se sente bem. A maconha e também o álcool bombardeiam o sistema dopaminérgico, que libera a dopamina e nos deixa mais ‘alegres’. O álcool tem ambos os efeitos: o ansiolítico, em que a pessoa fica tranquila, e o euforizante, que a deixa excitada. Nestes efeitos combinados, a pessoa fica tranquila, devido ao efeito ansiolítico, e ao mesmo tempo pode ficar eufórica, que é o efeito euforizante”, analisa.

PESQUISA INTERNACIONAL – O debate sobre a suscetibilidade dos jovens ao vício contará também com o psiquiatra Bruce Hope, pesquisador em neurologia das universidades de Yale (EUA) e British Columbia (Canadá) que desenvolve importantes estudos experimentais com animais.

“A maconha, como qualquer outra droga, transforma-se em vício pelos mesmos mecanismos que orientam nosso comportamento cotidiano. Assim que seu efeito prazeroso é assimilado pelo cérebro, a droga passa a orientar o modo de agir de quem a consome. Infelizmente, as drogas ativam simultaneamente sistemas de recompensa no cérebro que ganham força e levam o usuário a buscar mais recompensa, lançando mão de quantidades cada vez maiores de uma mesma substância ou de outras mais poderosas”, relata Dr. Hope.

Apesar disso, o pesquisador ressalta que embora alguns genes tornem seus portadores mais predisponentes ao vício, somente esse fator não é suficiente, na maioria das vezes, para tornar o indivíduo um dependente químico.

“Experiência e aprendizagem parecem ser muito mais determinantes para a toxicodependência”, esclarece Dr. Hope, evidenciando que a única exceção para o caso é o álcool.

 

Serviço

14th World Congress on Brain, Behavior and Emotions

De 14 a 17 de junho de 2017

Porto Alegre, FIERGS

Programação científica

http://www.brain2017.com/programacao/index.php#topo

Blog para a imprensa

https://brainwcbbe.wordpress.com/

Assessoria de imprensa

Ponto C Comunicação Estratégica

Carlos Alessandro Silva – carlos.relgov@gmail.com / 11 98293-4224

Andrea Guardabassi – andrea.guardabassi@gmail.com / 11 98989-0359

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

Up ↑

%d bloggers like this: